Gisela Maria Bester

O DEMÔNIO DO MEIO-DIA


Quando ele novamente vier me visitar

diga-lhe somente

que já me refugiei


no mesmo quarto

onde tantas vezes morri


Palavras trocadas

esquecidas

bagagem represada

traição a uma vida

uma história roubada


por um guloso demônio

tão cruel quanto insistente


ausente de mim

de um corpo

de uma alma

de um cérebro

de um sistema nervoso

[central é o demônio.


Intruso.

nunca o convidei

para ser comensal

de mim