I. Queiroz Dias

Coé


Coé

bradou o menor

de idade misteriosa


tapearam cada um

de sua casa


estou cansado

pintaram meu cabelo

rasparam o do meu pai


disseram que se demorar mais pra pagar

a internet cai





e nós também.



O Livro

A Cidade Maravilhosa dos Milicianos: Compêndio Poético é o livro de estreia do poeta I. Queiroz Dias. De forma geral, os poemas denunciam as questões que permeiam o cotidiano político, cultural e social, vivenciados, sobretudo, pela população na cidade do Rio de Janeiro. I. Queiroz Dias propõe um olhar de reflexão para as violências e influências praticadas pela milicia, traçando um paralelo com a existência humana em contextos de insegurança, medo e intimação em que há o uso do poder para a repressão da vida.