Edih Longo


FÊMINA



Mulher recolhe teu pranto

para que tanto rebuliço?

Mulher aguenta o tranco!

Tua missão é o sacrifício.

A Mulher engole tua mágoa

não adianta a blasfêmia!

MU Mulher, tua honra enxágua

LH tua culpa é ser uma fêmea.

ER Mulher recolhe essa revolta!

As leis são claras e explícitas

É mulher, tua raiva não importa

lute por leis mais humanistas.

UM Mulher engole essa empáfia!

Para que se abater na solidão?

SA Mulher, viva e goze dessa máfia

L que é a vida cheia de paixão!

TO Mulher recolhe tuas armas!

Por que ao outro desconhecer?

FI Mulher, somos iguais nas almas

NO o corpo é que tem que aprender.

Mulher engole tua decepção!

NO O mundo é sujeito masculino

mulher, tu és sangue e coração

GO e vida é um sujeito feminino.

Mulher, Adão foi só o rascunho

Deus o achou pobre e melhorou

M tu és a assinatura de Seu punho

AS e ao ver-te o mundo se encantou.

CU Mulher, se não desses ao mundo vida

LI para que se ter o mundo inventado?

NO Mulher, pense! És a própria concebida

e... De um simples osso fraturado.