Vozes da TAUP

FLAVIA FERRARI | (in)cômodos


Antes da demolição

Conseguimos fotografar

Como seria (trans)formada a memória


Nos (dois)quartos

Havia um equilíbrio

Entre (nosso) trabalho e descanso


A sala era o lugar da música

(In)tocada

De passagem e pouca permanência

Onde nossas so(m)bras repousavam


(Não) havia um quintal

O espaço foi preenchido

Incorporado à casa

(Des)coberto apenas pelo céu


Saudades daquela cozinha

Onde (nos) comíamos

Tantas vezes

Antes de entregarmos as chaves

Os pontos

Os papéis

Até a (in)tensa relação (re)partir-se


GÉSSICA MENINO | Canção


Canta-se uma canção,

Com o entoar do coração.


Coração de uma ave,

Colorida e certeira.

Carregando com promessas o

Chalrear da alma humana, que


Chora as carências dos caminhos

Conscientes da sua contumaz [in]consciência.



Jaime Jr. | Que tristeza!!!!!

Jéssica Iancoski | ela

Rozana Gastaldi Cominal | Papel


pontos

passeiam pelo papel

pequenas partículas penetram

em propriedades particulares

do pensamento

o poder

da palavra

provoca protesto

pico

o

papel

em

pe

da

ci

n

h

o

s



Sophia Bicudo | 70% Água